Marketing de Comunidade: O que é e Exemplos de como fazer

Marketing de comunidade ou Community Marketing é uma estratégia que tem como objetivo usar grupos de pessoas que compartilhem de uma mesma visão para alcançar um objetivo em comum.

GRUPO DE TELEGRAM MARFIN

Esse é um tipo marketing que avançou bastante ao longo dos últimos com a chegada das redes sociais.

Vemos todos os dias criadores de conteúdo, empresas e ONGs alcançando milhares ou milhões de pessoas com suas comunidades próprias.

Além disso, ter uma comunidade própria traz maior poder de controle sobre suas ações de marketing.

Vamos ver mais sobre esse assunto em detalhes agora.

O que é Comunidade?

Primeiro, precisamos definir o que é uma comunidade.

O Google traz a seguinte definição:

  1. estado ou qualidade das coisas materiais, ou das noções abstratas comuns a diversos indivíduos; comunhão.
  2. concordância, concerto, harmonia

Logo, uma comunidade é um grupo de pessoas que possuem o mesmo objetivo.

Por exemplo, podemos pensar nas antigas comunidades que criaram as primeiras cidades.

Elas tinham um objetivo em comum que era: sobreviver.

Por isso, viviam juntas para poder prosperar com mais facilidade.

Então, podemos pensar também nas comunidades étnicas. Por sua vez, esse grupo de pessoas tem por objetivo lutar pelos direitos de suas etnias.

Da mesma forma, podemos pensar nas comunidades que hoje se formam em grupos de Facebook e outras plataformas.

Podemos encontrar muitas pessoas que possuem metas e objetivos semelhantes aos nossos, seja sobre uma profissão ou um gosto em comum, como um artista, por exemplo.

Mas, o nosso ponto principal aqui é sobre Marketing de Comunidade e como usar essa estratégia para criar a sua própria comunidade (ou influenciar alguma) e gerar ganhos para seu negócio.

O que é Marketing de Comunidade?

Agora que você entende o que constitui uma comunidade, vamos explorar como o marketing de comunidade pode beneficiar o seu negócio.

O Marketing de Comunidade nada mais é que criar ou influenciar uma comunidade em prol de um objetivo de negócio.

Por exemplo, se você quer lançar um livro de romance, pode buscar criar uma comunidade com pessoas que gostem desse tipo de livro.

Assim, você poderá gerar buzz para o seu lançamento.

No final das contas, o que você deseja é concentrar o seu público-alvo de modo que você tenha maior controle sobre os resultados dos seus esforços de marketing.

Afinal, quando comparamos com outras estratégias como Tráfego Pago, por exemplo, não temos tanto controle assim.

Você pode anunciar no Google Ads ou Facebook e ser muito bom nisso, mas não tem controle sobre quem exatamente vai ver o seu anúncio.

O mesmo vale para o Tráfego Orgânico. Você pode trabalhar muito bem esse canal com conteúdo e backlinks, mas no fim das contas não tem controle sobre quem acessa seu site.

Porém, com o Marketing de Comunidade, você pode controlar e direcionar seus esforços para atingir exatamente o público que deseja.

Por isso, essa é uma estratégia que tem encantado muitas marcas e empreendedores.

Tipos de marketing de comunidade

O marketing de comunidade pode ser feito de diversas formas.

Como vimos, você pode tanto criar uma comunidade própria como pode influenciar uma já existente, formando parcerias.

Portanto, vamos entender quais os tipos de marketing de comunidade e exemplicar um pouco cada uma delas:

Marketing de Comunidade Orgânico

O primeiro tipo é o marketing orgânico.

Isso significa que você constrói a sua comunidade de maneira orgânica, sem nenhum incentivo inorgânico, como o patrocínio.

Aqui, você pode desde criar uma comunidade do zero ou se inserir em uma.

Lembre-se que, antes de entrar ou criar qualquer comunidade, você precisa entender o motivo de fazer o que está fazendo.

Por isso, é essencial que você tenha um Plano de Marketing que defina suas metas e objetivos finais com seus esforços.

Então, uma vez que você tenha seus objetivos bem claros, você pode buscar reunir pessoas em torno de sua missão.

Pode ser lançar um livro, lutar por uma causa, vender um produto ou resolver um problema na sociedade.

Como a construção é orgânica, ela é mais lenta e exige paciência.

Contudo, a vantagem é que você não precisa gastar nada além de tempo.

Vamos falar sobre como aplicar algumas estratégias em breve.

Marketing de Comunidade Patrocinado

O marketing de comunidade patrocinado, é diferente do orgânico.

Nesse tipo de marketing, você usa recursos financeiros para adentrar e atingir o seu público-alvo através de patrocínios.

Por exemplo, na Marfin nós patrocinamos por um certo tempo uma comunidade no Facebook de profissionais de tráfego pago.

Nosso objetivo era gerar visibilidade de marca e atrair esse tipo de profissionais para se cadastrarem e nossa plataforma.

Antes, pensamos em criar uma comunidade nossa.

Mas, como nós temos diversos perfis de profissionais diferentes em nossa plataforma, isso levaria muito tempo e recursos de tempo importantes.

Por isso, escolhemos patrocinar uma comunidade já existente a fim de acelerar o processo.

Então, você também pode optar por fazer isso, ao invés de criar sua comunidade do zero.

Como usar o Marketing de Comunidade no seu negócio?

Se você gostou dessa estratégia e está buscando aplicar em seu negócio, vamos dar algumas dicas de como você pode usar esse tipo de marketing.

Por exemplo, aqui na Marfin nós precisamos constantemente de profissionais qualificados para nossa base de talentos.

Para cumprir esse desafio, precisamos educar e qualificar de alguma forma todos esses profissionais que querem trabalhar conosco.

Nossas opções seriam:

  • Criar uma escola própria e qualificar a base um a um;
  • Ou conseguir esses profissionais qualificados de alguma forma.

Além disso, temos o desafio de fazer a Marfin ficar conhecida por profissionais competentes. Um desafio de branding que leva anos para se cumprir.

Então, nós tomamos a decisão de patrocinar comunidades ou adquiri-las, de modo que pudéssemos acelerar a aquisição de novos profissionais.

Foi assim que fizemos a aquisição do SerFreela, uma comunidade que nos daria acesso a mais de 40 mil profissionais de uma só vez.

E o melhor, o SerFreela já possuía diversos cursos e formações, além de uma base qualificada de profissionais.

Isso cumpriu dois objetivos de uma vez:

  • Fazer com que profissionais conheçam nossa plataforma;
  • Conseguir uma base de talentos qualificada para nossa plataforma;

O Case da Magazine Luiza

A Magazine Luiza seguiu uma estratégia semelhante ao fazer a aquisição do Canaltech.

Pense no seguinte:

A Magazina Luiza gasta milhões em anúncios na Rede de Display do Google.

A Rede de Display são aqueles anúncios com peças gráficas que vemos em portais de conteúdo e blogs.

Porém, o CTR (taxa de cliques) nesse tipo de anúncio é muito baixo. Chega a ser menor que 1%.

Ou seja, você gasta milhões de reais para que as pessoas acessem seu site, mas não tem controle se elas vão de fato fazer isso.

Por isso, em uma jogada de mestre, a Magazine Luiza decidiu por adquirir um portal de notícias com um público qualificado, como o Canaltech.

O Canaltech é um dos maiores portais de conteúdo sobre tecnologia do Brasil.

Com isso, a Magalu consegue de uma vez só atingir o público de seu interesse para vender eletrônicos e ainda pagar nada para isso.

Afinal, qualquer link de produto no Canaltech pode ser da Magalu.

Mas, tem mais uma vantagem…

Anunciantes que desejarem acessar a comunidade qualificada do Canaltech, vão agora precisar pagar para a Magalu.

Ou seja, a Magalu ainda consegue tirar dinheiro de concorrentes com essa jogada.

Comece agora a criar sua Comunidade

Muito bem, agora que você entendeu sobre marketing de comunidade e ganhou alguns insights de como fazer isso no seu negócio, comece a agir.

Pergunte-se:

  • Vale mais a pena criar uma comunidade do zero ou patrocinar uma?
  • Faz mais sentido patrocinar ou adquirir uma comunidade?

Claro, tudo depende do tamanho da sua empresa e da estratégia de marketing geral. Mas, você já pode dar os seus primeiros passos agora.

E se você quer ficar por dentro de mais estratégias como essa e das novidades do marketing digital, eu recomendo que você entre para o nosso Grupo do Telegram.

Nele, você recebe diariamente um resumão com os principais insights do mundo do marketing.

GRUPO DE TELEGRAM MARFIN
Ivan Cordeiro Junior
Ivan Cordeiro Junior
CEO e Fundador da Marfin. Engenheiro de Software e Especialista em Marketing Digital com mais de 10 anos de experiência de mercado e dezenas de formações internacionais, incluindo Google e Meta (Facebook).

Compartilhe:

Você também pode gostar: